Os últimos desenhos que fiz são pedaços das minhas entranhas mais profundas.

Facebook  |  Instagram  |  Tumblr  |  Twitter  | Apoie.se Definitivamente desenhar tem me feito bem demais, descobri formas de tir...


Definitivamente desenhar tem me feito bem demais, descobri formas de tirar pequenas dores e pensamentos que não me deixam respirar. Muitas pessoas dizem que minhas tirinhas são muito tristes e puxam muitos gatilhos, juro que não desenho para fazer mal aos outros, eu desenho para me libertar da minha mente e para representar as pessoas fodidas da cabeça.

Estou gostando de postar aqui no blog sobre as tirinhas, dá para falar um pouco sobre o que há por trás delas, e me sinto mais próxima de quem lê aqui.

Esses são os desenhos da primeira parte de junho! Para lê-los, basta clicar no nome de cada um.


- Para o bem da minha saúde, eu preciso aprender a não depender emocionalmente de alguém: quando estou gostando de alguém, eu dependo da atenção dela para o meu dia correr bem, e isso é frustrante, meu cérebro diz que preciso ser independente afetivamente, mas se eu não recebo nenhuma mensagem por várias horas aaaaa meu coração :c.
- É muito ruim ter que me afastar de quem eu amo, mas preciso amar a mim mesma primeiro: é um lema que ando carregando há alguns anos. Eu costumo mergulhar em relacionamentos, e isso é prejudicial. Fiz um voto comigo mesma de que se estou chorando mais do que rindo, é melhor eu me afastar, mesmo que ainda ame a outra pessoa.
- A minha avó me dizia que quando uma mulher se sentisse triste, o melhor que podia fazer era entrançar o seu cabelo, de modo que a dor ficasse presa no cabelo e não pudesse atingir o resto do corpo: essa é uma história resgatada de um povo pela antropóloga Paula Klug. Eu me afeiçoei à essa história porque me lembrei do tempo da escola, quando eu fazia tranças no cabelo, pois não estava muito feliz. Era algo que eu fazia instintivamente, sem conhecer essa história.
- A melhor sensação do mundo é ser reconhecida por algo que você AMA fazer: eu fiz esse desenho quando completei CEM MIL SEGUIDORES na minha página do facebook *OOO* aaaaaaaaaaaaaa
- Eu não posso me permitir te amar tanto. Quando penso em você sinto que meu peito vai explodir de tanto amor. Eu tenho que ser capaz de controlar: eu me apaixono loucamente, intensamente, explosivamente. Meu corpo parece que pode incinerar a qualquer instante.
- Um método eficaz de matar alguém é dar-lhe amor, e então subitamente deixá-la: conheci pessoas que não mereciam os meus sentimentos, e que brincaram com eles. 


- Atelofobia: medo de não ser boa o suficiente para ninguém, e nem para mim mesma: me sinto sempre fora do eixo, e não me sinto boa nem para mim mesma.
- Eu fico feliz ao ver as nuvens em tons de rosa ao cair a tarde. Talvez seja porque elas me lembram do seu cabelo de algodão: eu tinha vontade de fazer esse desenho, mas fui deixando-o para lá, até que vi a artista Nina Satie e achei perfeita para compor no desenho. Embora muitas pessoas tenham pensado, não há nada de romântico entre nós duas, eu nem a conheci ainda huahua.
- Você acha que merece essa dor, mas está completamente enganada: é um lembrete de que eu não mereço as dores e sofrimentos que sinto.
- Almas parecidas se reconhecem, mesmo estando em meio a tantas outras: fiz essa tirinha usando o trecho do escritor Luan Cunha, da página Desatinamor ♥.

~

You Might Also Like

11 comentários

  1. eu sofro do mesmo mal que voce, eu dependo emocionalmente do meu namorado e eu sei disso, e sei que é algo ruim, estou tentando muito mudar e com isso estou tentando aprender amar mais a mim mesma, não que minha relação seja ruim ou que minha relação seja dependente, mas eu tenho crescido como pessoa e entendido que pra ser um casal não necessariamente somo um só, e o bom é isso, estou progredindo eu sei... Me identifico muito com seus desenhos.


    Blog Entre Ver e Viver

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro suas tirinhas! Fico com vontade de mostrar pra todo mundo e falar "olha só, me identifico demais" hahaah' Acho que algumas puxam gatilhos sim, mas infelizmente são coisas que a gente sente, e eu entendo quando você fala que não era sua intenção.

    Engraçado que quando li a tirinha sobre o cabelo rosa, lembrei de você. No dia mesmo que li o céu tava meio rosa e eu fiquei pensando nisso.

    Bjs!
    ¤ 31 de Março

    ResponderExcluir
  3. Konnichiwa Bruna-san!! <3
    Eu amo suas tirinhas <3 eu acho uma ótima forma de botar pra fora tudo que sente e pensa.
    Gosto das duas primeiras, e você indo pelo caminho certo. Eu comprei um quadro so por causa de sua frase maravilhosa : ”Amar a si próprio é o início de um romance para toda a vida.”
    Nossa Esse Atelofobia... foi a tirinha mais forte <3 e difícil. E horrível isso eu sei como é T.T
    “ Almas parecidas se reconhecem, mesmo estando em meio a tantas outras.” <3 ameii essa tirinha tbm.
    Eu acompanho seus desenhos pelo face <3 e sou uma admiradora ^^
    Então =.=....
    Eu nunca, mas nuncaaaa faço o que irei fazer agora, só que eu realmente quero que conheça o novo projeto do meu blog e um melodrama chamado Otome no yume que eu e meus Nakamas estamos fazendo, e esse mês saio o primeiro episodio. Queria muito que assistisse. Onegaii??? Otome no Yume Ep. 1


    Arigatou <3

    otimo final de semana

    kissu:***

    Watashi no sekai

    ResponderExcluir
  4. Eu adoro quando aparece uma tirinha tua, seja onde for ❤
    Muitas delas eu me identifico, com coisas bem intimas e delicadas sobre mim mesma. Outras percebo que se assemelham a um amigo muito importante, e sinto como se intendesse mais ele com ajuda delas. Já mandei algumas pra ele, e acho que ele pensa o mesmo. É como se nós intendêssemos profundamente, como se elas completassem algo em nossas vidas sem precisar falar nada, apenas sentir.


    http://odisseia666.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Eu amo suas tirinhas! Eles possuem esse toque pessoal e me parecem tão profundas mesmo que as mensagens sejam breves. Aliás, conheci seu blog através da sua página <3
    Achei mágica essa história de que você trançava seu cabelo quando estava triste com essa mensagem que você viu, é o destino agindo? AAAAA
    Todas suas tirinhas são incríveis assim como você e você merece todo o apoio do mundo na sua arte!

    Um beijo,
    ahamare.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Nossa muito legal o seu jeito de colocar pra fora tudo que gente todo mundo precisa de uma válvula de escape e essa sua maneira de se expor é realmente um talento.Sei que não é fácil quando achamos que nossa vida depende do outro mas realmente só depende de nós mesmos nos amarmos primeiro ❤️Amei suas tirinhas um talento menina super 😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpe escrevi errado seria tudo que sente 😘

      Excluir
  7. Bruna, seu trabalho é maravilhoso. Ele fala sobre assuntos que muita gente não teria coragem de colocar pra fora, acho que é por isso que muita gente fica impressionada (e pode achar triste). Mas eu acho incrivelmente positivo e bonito, parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Achei que tinha comentado esse post, mas vejo que não. Mina, eu amo seus desenhos, cê sabe né? Sério, eu quero encher meu quarto de desenhos e alguns deles serão os teus, quando ele tiver pronto e bonitinho! Sério, cê traduz a alma de muitas pessoas neles! Te amo chuchu, fica bem, continua desenhando e escrevendo, amo o que cê escreve! Beijinhos <3

    ResponderExcluir
  9. Maravilhoso, Bruna!
    Continue fazendo sempre o que te faz feliz.

    Beijo grande!
    Blog: *** Caos ***

    ResponderExcluir
  10. Conhecendo agora seu trabalho e apaixonada..
    Eles traduzem muito o que sentimos, mostra como não só você sente o que escreve/desenha, a gente tá tudo no fundo do poço kkk mas tá tudo bem desde que a gente saiba escoar não é mesmo :3
    Já curti a fanpage <3
    Neoguedes

    ResponderExcluir

;D