Encontrei a sua carta que estava perdida.

Eu estava arrumando meu armário quando encontrei uma carta sua perdida. Ela tinha o seu nome, e falava sobre como tinha sido a sua seman...


Eu estava arrumando meu armário quando encontrei uma carta sua perdida. Ela tinha o seu nome, e falava sobre como tinha sido a sua semana, também falava "sinto a sua falta, desculpa por ter sumido", meus joelhos estremeceram um pouco, imaginei a sua voz ao ler a carta inteira, seu sotaque era música para os meus ouvidos.
Na carta, você falava também sobre gatos e livros, quais autores mortos havia encontrado no sebo por dois reais, quais gostaria de reviver apenas para passar tardes inteiras tomando café e conversando sobre o amor. Você também escreveu que fugiu de mim por medo de se machucar.
Eu escrevi cartas que voltaram para a minha casa, perdidas no caminho por não encontrarem você. Eu escrevi tanto, passei tantos dias mandando cartas, que depois nem sabia o porquê ainda escrevia, e parei. Sua última carta foi de despedida, e a sua letra no papel me abraçou.
Você provavelmente não lerá o que estou escrevendo, não sei por onde você se encontra. Espero que esteja explorando cavernas, viajando de camelo pelas dunas, ou sentindo os ventos do alto de alguma montanha. Deixarei essa carta dobrada embaixo de uma árvore, será que você encontrará?
Eu não cheguei a dizer adeus depois de todos esses anos. Essa carta é para lhe dizer que nunca esquecerei você e da pequena história que tivemos. Eu te amo.

da sua Ninfa dos Bosques.


11. Escreva uma carta de amor para quem já se foi.
Texto fictício para o 642 CSAQE
http://bruna-morgan.blogspot.com.br/p/642-coisas-sobre-as-quais-escrever.html

You Might Also Like

2 comentários

;D