Sobre o prazer de estar sozinha.

Facebook  |  Instagram  |  Tumblr  |  Twitter Eu amo minha família, amo meus amigos e amo conhecer pessoas novas. Sobretudo, amo mais a...

Facebook | Instagram | Tumblr | Twitter

Eu amo minha família, amo meus amigos e amo conhecer pessoas novas. Sobretudo, amo mais ainda ficar sozinha.
É gratificante aprender a conviver comigo mesma, sem necessitar da presença de outras pessoas o tempo todo. Estar sozinha é diferente de estar solitária. O segundo é quando não há ninguém com que possa contar. O primeiro é ter várias pessoas amadas, mas poder apreciar os momentos em que apenas a sua presença lhe faz bem.

Eu gosto de poder mergulhar em um livro no silêncio de um parque ou no silêncio do meu quarto, gosto de andar na orla da praia quando não há muitas pessoas em volta, gosto de assistir a filmes sozinha no meu notebook ou em um cinema de rua, gosto de visitar livrarias e bibliotecas, e ficar sentada nas poltronas lendo a tarde inteira, gosto de beber café sozinha, enquanto vejo o céu da tarde se tornando um rosa-alaranjado, gosto de ficar deitada no escuro imaginando mil coisas, gosto de ficar sem falar com ninguém por dias, e sem sair de casa por dias. Gosto de me distanciar numa festa e olhar a lua longe de todo mundo. Gosto de comprar um doce na rua à caminho de casa, e ficar sozinha no banco do ônibus. Gosto de beber vinho na minha taça de vidro numa terça-feira e me sentir aqueles adultos de filme, que bebericam dois goles enquanto escrevem algo importante no notebook. Gosto de viajar sozinha e conhecer novos lugares sozinha. Gosto de me perder e encontrar o caminho sozinha, usando minhas habilidades de localização. Gosto da intimidade quando ando na rua, vejo um gatinho, falo com ele usando uma voz engraçada e recebo um miado em troca. Eu gosto de estar sozinha, depois de apreciar a presença das pessoas que amo. E gosto de conhecer a mim mesma quando não há ninguém por perto.


You Might Also Like

33 comentários

  1. Que linda! Amei o texto! Isso é maturidade e amor próprio, sabia? Porque alguém que não se ama, não suporta sua própria companhia. Um beijo!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  2. Isso exige uma maturidade sem tamanho pois muitas vezes a companhia facilmente se torna dependência. Falo por experiência própria. É essencial para vida aprender a apreciar a própria "solidão", no final teremos apenas a nós mesmos e jamais podemos fugir disso. Como diz uma música do Paramore, aprenda a se amar pois um dia você será o único que vai ter.
    lua-de-carmim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Acho que já está virando uma espéciede vício sair dizendo que me identifico com os textos que leio.
    Mas ultimamente é o que tem acontecido.
    Neste seu texto lindo e maduro, me identifiquei por várias razões.
    Tenho aprendido a gostarda minha própria companhia, e isso é realmente muito bom!

    ResponderExcluir
  4. isso nao é tão ruim assim, as vezes precisamos de um momento, de um espaço para nós mesmo, nos avaliar, e ver e estamos agindo e pensando certo.

    http://dosedestrelas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu sou aquele tipo de pessoa que, depois de ter um tempo maravilhoso com gente querida, gosta de ficar sozinha para "repor as energias". Introspecção, o nome, haha!

    Gostei demais do texto.

    Tenha uma dia lindo ♥
    O Único Jeito

    ResponderExcluir
  6. Gostei como você abordou as diferenças e esse olhar mais obsevador e contemplativo que se desenvolve à medida que a gente se alimenta do que faz parte da nossa essência.

    Creio que as pessoas perdem muito disso quando estão na busca frenética de se cercarem de pessoas em todo tempo( online e fora da rede) para não se sentirem solitárias. O mais interessante é que a solidão não vai embora, agora ela só tem pessoas perto fazendo barulho.
    Lindo texto!
    Beijos!
    http://vivendolaforanoseua.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. A filha única que mora sozinha desde os 17 anos assina embaixo desse post.
    <3
    bjão!
    www.jeniffergeraldine.com

    ResponderExcluir
  8. Nossa eu também amo ficar só, especialmente lendo um livro ou vendo um seriado. Não sei se é pq eu moro numa casa com cinco pessoas aí quando fico só nela me sinto ótima! kkk

    ResponderExcluir
  9. Ai, Bruna, amei seu texto! Me identifiquei tanto, tanto...
    Eu tô numa fase meio assim, de gostar muito de fazer coisas sozinha. Claro que estar com a gente gosta é sempre maravilhoso, ter que despedir acaba sendo meio triste dependendo da ocasião, mas ao mesmo tempo poder andar por aí no seu próprio ritmo, sentar no seu cantinho com seu filminho (e poder dar pause só quando VOCÊ precisar), ouvir sua própria música no volume que for seu confortável... Ai, é gostoso demais, né! A gente tem que amar nossa própria companhia, sempre!

    ResponderExcluir
  10. De vez em quando eu sinto essa vontade repentina de ficar um tempo sozinha, viver as coisas mais sob a minha própria perspectiva. Mas ainda são pequenos momentos comparados ao que eu gostaria, mas enquanto não posso ser totalmente independente, eu vou aprendendo a driblar minha "dependência" e fazendo coisas que posso fazer sozinha e me superar.
    Achei legal sua reflexão pessoal, é algo realmente importante para se manter "sã" e bem consigo mesma.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Me identifiquei 100% com esse texto. Eu gosto de estar com pessoas, mas estar sozinha é um sentimento sem igual, é tão bom parar e pensar só consigo mesma, né? Amei o texto!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
  12. Às vezes acho que ficar sozinha é muito subestimado. É uma delícia poder apreciar a própria companhia, tomar um banho bem refrescante e deitar no sofá para ler um livro ou assistir a um filme, assim, consigo mesma. Pratico e muito! Mesmo casada, ainda tento sempre achar um tempo para mim, para me compreender melhor, aproveitar meu próprio silêncio.
    Beijos, Bruna!

    ResponderExcluir
  13. Seus textos se encaixam perfeitamente comigo. Apesar de me sentir um pouco insegura de estar quase sempre sozinha, apreciei essa arte e hoje em dia tudo se tornou mais fácil. É muito bom poder comprar roupa sozinha sem ter alguém ditando o que vestir, ou ir na biblioteca sozinha sem que alguém te atrapalhe.

    palavrasagridoce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Babe, apesar de amar gente, estar sempre rodeada de risos e amor, amo estar sozinha também. Acho que é necessário e faz bem em doses saudáveis.
    Beijão, Bru ❤️

    Supimpa Girl

    ResponderExcluir
  15. Oi Bruna, tudo bem? Também acredito que as duas formas de solidão são diferentes. Porém quando estamos bem com a gente mesmo não nos importamos com isso, pois a solidão é uma forma de crescimento, de aprendizado. Quem está bem consigo, com certeza continuará bem na presença de outras pessoas. Beijos, Érika ^^

    ResponderExcluir
  16. Oi Bruna! Texto perfeito e muito bem colocado. Eu sou uma pessoa bastante sociável que adora os amigos e família, mas também gosto muito de ter o meu momento, de ler meus livros, ouvir minhas músicas, ficar no meu universo.

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir
  17. Eu aprecio o silencio... Adoro sair sozinha, ler sozinha, ouvir musica, ir a um show...
    bjos!

    ResponderExcluir
  18. Eu amo tanto estar sozinha, sério. Hoje moro com meu marido, mas fico o dia todo sozinha em casa. Amo esse momento, relaxo, escuto músicas, faço o que gosto! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  19. Me definiu! Eu estou sozinha a tanto tempo que, sinceramente, não sei o que vai ser de mim quando "achar alguém", sabe? Não sei se vou curtir por muito tempo ter essa pessoa do meu lado e não poder fazer mais essas coisas que só sozinha a gente gosta.
    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  20. Oiie Bru!

    Eu também amo estar sozinha. Poder ter o meu tempo a ficar comigo mesma, me permitindo conhecer mais do meu eu interior.

    Amei seu texto! Parabens!

    ResponderExcluir
  21. simm, apesar de casada, prezo muito pelo tempo ue tenho só para mim! amei seu texto <3

    beeeijos :*

    ResponderExcluir
  22. Muitas pessoas não entendem quando eu digo isso, como gosto de ficar sozinha, ter meu tempo pra mim, fazer minhas coisas, sem ter ninguém para me segurar ou querer me acelerar, apenas o próprio tempo, sabe?
    Bom, você sabe. Seu texto disse isso. rs

    Beijos
    www.jadeamorim.com.br

    ResponderExcluir
  23. Eu sei como tu te sente. Gosto tanto da minha solidão que me sufoco quando não tenho niveis normais dela. Terminei meu namoro dia 11, nunca fiquei tão feliz em olhar o celular e não ter nenhuma mensagem de boa noite. De poder ler meus livros em paz. Tão bom.

    ResponderExcluir
  24. Eu pensei que fosse maluca por pensar assim, mesmo como você. Eu adoro os momentos em que estou sozinha. Gosto de pensar comigo e com os meus botões e gosto de simplesmente não ter que pensar sobre o que falar com alguém... quando não quero falar. Haha.
    Adorei o texto bruna!

    ResponderExcluir
  25. esse texto me descreve tanto, sério ♥ ficar sozinha, em silêncio (lendo um livro ou admirando a paisagem) é uma das coisas que mais gosto de fazer. nada melhor do que apreciar a própria cia, né?

    ResponderExcluir
  26. Adorei o texto e me representa muito. Sou casada e tenho uma filha de 6 anos, não é tão fácil estar sozinha nessas condições, mas eu amo quando eles vão juntos a casa da minha sogra e eu fico sozinha, nem que seja por uma hora. É importante, faz a gente crescer ou voltar a ser criança pra dançar sozinha passos esquisitos na sala enquanto ninguém vê.

    https://deixacombinado.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  27. Por muito tempo, a mania de ficar sozinha era uma forma de escapar de algo que me entristecia aqui dentro e que não preferia não ficar à toda hora compartilhando com os outros. Hoje em dia, o desejo de estar sozinha se dá somente pelo amor da própria companhia. Gosto dessa liberdade que é fazer as coisas sem estar sob atenção de um olhar. Chato é só que isso parece incomodar os outros, não é? Já fui várias vezes pro cinema sozinha, tomar sorvete sozinha, ir numa lanchonete... E parecem até que sobram olhares de pena, como se nós mesmos não fôssemos autossuficientes. Enfim, amei o texto. Você tem um pensamento exatamente como eu.

    Com carinho,
    Conto Paulistano.

    ResponderExcluir
  28. Gostei muito do post! Também aprecio muito a minha própria companhia e acho que isso revela bastante amor próprio e até maturidade. Gostei muito do texto!

    Um beijinho,
    Bia do Bookaholic.

    ResponderExcluir
  29. Eu amo estar sozinha, mas nem se compara a sensação de que alguém sentiu tanto a minha falta que me mandou um e-mail ou algo parecido, me convidando para sair.
    A sensação de que gostam de mim é muito mais forte que meu amor próprio.
    Beijo, www.josya.com.br

    ResponderExcluir
  30. Adorei seu texto! É preciso curtir sua própria companhia! Curto fazer coisas sozinha, às vezes estando com uma pessoa, não faria exatamente tudo o que faço sozinha. estando comigo mesma, sinto livre!

    Universo Prático Feminino

    ResponderExcluir
  31. Também gosto de ficar sozinha de vez em quando. Me desligo de tudo. Atualmente não tenho conseguido muito isso. Meu marido gosta de fazer tudo junto. Já ouve época em que ia ao cinema sozinha, viajava sozinha e curti muito, mas sonhava em poder dividir aqueles excelentes momentos com alguém. Estar sozinha é um desafio que muitos não conseguem encarar de boa.

    ResponderExcluir
  32. Olá,
    Que blog lindo *-* Me identifiquei muito com o texto
    Acredito que é isso, estar consigo mesmo só é solidão quando precisa-se muito de conhecer-se e amar cada parte de si... Isso é estar sozinha, conhecer-se e se divertir, com alguém que sempre estará contigo: você mesmo.

    Beijos de alecrim!
    Link do meu blog, Histórias e Encantos:
    http://livrosperfeitosmsoffiati.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

;D