Sobre pessoas que somem, amizades virtuais e mensagens instantâneas.

24 de agosto de 2011 Eu não sei se é culpa das tarefas diárias, da correria do dia-a-dia, das mudanças de gostos em comum, mas sei ...

24 de agosto de 2011


Eu não sei se é culpa das tarefas diárias, da correria do dia-a-dia, das mudanças de gostos em comum, mas sei que as pessoas somem assim do nada, ou perdem contato conosco de um jeito tão fácil que até machuca.
Eu tenho uma mania de ficar relembrando pequenos acontecimentos da minha vida, e penso principalmente nas pessoas que perdi, nas que eu não quis conhecer, nas que abandonei...


Lembro-me dos amigos da quarta-série, e dos amigos perto de casa que brincavam comigo no quintal. 
Mudamos de escola, perdemos contato, mudamos de telefone, de endereço, de vida.
Nunca mais vi a maioria, e os poucos que restaram não falam nem "oi" comigo na rua, perdemos afinidade.
Lembro-me das promessas de amizade eterna, os colares de corações que se completam, as horas a fio no telefone que deixavam minhas orelhas ardendo. Os sonhos de criança, os segredos, as pequenas brigas. Tudo isso só ficou na lembrança. Na saudade.
O pior é que eu não sei se sou a única a me remoer de nostalgia. Será que algum deles ainda se lembra de mim? Eis uma incógnita.


Tenho preguiça de amizades-relâmpago, "eu também não gosto muito de MSN ou qualquer lugar que tenha mensagens instantâneas, o assunto acaba depressa, eu enjoo de conversar, a emoção de conhecer a pessoa aos poucos morre, porque em 10 minutos já se sabe a vida inteira dela, perdi a graça de amizades cruas, elas são intensas nos primeiros dias, mas depois o contato se perde." (parte de um e-mail que mandei).

You Might Also Like

3 comentários

  1. Me identifiquei muito com você nesse texto! Tenho mania de remoer acontecimentos e bate papo de msn não é pra mim!
    Tenho mania de achar que conversar tem que ser de verdade "oi, tudo bem? tudo também" não é conversa pra mim!

    ps: Adorei a baratinha que tem ali em cima!

    ResponderExcluir
  2. Quando vim olhar, e ver que você colocou a caixinha aqui pra comentar, chega me deu uma alegria *-* hihi.

    Bom, lendo seu texto também me deu nostalgia, muita sabe. Lembrou-me das horas que eu passava no telefone, e hoje é raro alguém me ligar. E como vc disse na parte final " a emoção de conhecer a pessoa aos poucos morre" , pois nunca se sabe o que falar de verdade. Amei *-*

    ResponderExcluir
  3. Uau! Como disse a cara colega Elania, adorei a caixinha para comentar! E nossa, nostalgia é vida, pois somente aqueles que sabem apreciar as boas partes da vida as têm.
    Reconheço a ultima parte do seu texto! rsrs

    Vc é dez Senhorita Morgan!

    ResponderExcluir

;D